CLUBE MAIS DIGA ONDE TEM, resgate cupons, colete selos, consiga pontos e ganhe recompensas. Baixe o aplicativo!

Futebol

Capivara vira mascote da Copa América de 2019. Zizito ou Capibi? Ou Fuleco…?

A capivara é o maior roedor do mundo, podendo chegar a 80 kg. Na América do Sul, o animal é bem comum na margem de rios e lagos – no Recife, no Rio Capibaribe, a presença é corriqueira. Pois a capivara foi escolhida como o mascote da Copa América de 2019, no Brasil.

O comitê organizador local apresentou o mascote, mas o nome sairá de uma enquete no perfil oficial do torneio no twitter. Entre as opções, “Zizito” e “Capibi”.

 

 

 

Coincidentemente, o mascote foi apresentado com a mesma roupa do Fuleco, o popular mascote da Copa do Mundo de 2014, também realizada no país. Na ocasião, o tatu-bola também surgiu com calção verde e camisa branca. Foi um sucesso comercial, com vários produtos licenciados, o que tira um “pouco” a coincidência em relação ao visual da capivara – inclusive a cor amarela. Se esses 5 anos produziram uma memória afetiva suficiente para incorporar o antigo mascote neste novo, só o mercado dirá…

A descrição das duas opções para o nome
Zizito: homenagem ao ídolo brasileiro Zizinho, maior artilheiro da Copa América, com 17 gols. O sufixo “ito” é a forma de diminutivo na língua espanhola, como o “inho” na língua portuguesa.

Capibi: uma homenagem à população indígena da América do Sul, o povo da terra. O nome mistura as fonéticas das palavras em Tupi, kapii´gwara (capivara) e yby (terra, chão que se pisa).

Abaixo, o histórico de mascotes oficiais da Copa América desde o pioneiro Gardelito, em 1987 – na lista, falta apenas a versão de 2016, na Copa América Centenário, nos Estados Unidos. Na última edição no Brasil, há 30 anos, o mascote foi um sabiá, “Tico”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CLUBE MAIS DIGA ONDE TEM, resgate cupons, colete selos, consiga pontos e ganhe recompensas. Baixe o aplicativo!