CLUBE MAIS DIGA ONDE TEM, resgate cupons, colete selos, consiga pontos e ganhe recompensas. Baixe o aplicativo!

Politica

Batalha de Gigantes.

Uma batalha nada silenciosa entre dois “mundos”, onde ninguém parece se importar qual a opinião da população. Depois do STF decidir que crimes eleitorais associados a crimes comuns devem tramitar na Justiça Eleitoral. Agora os senadores terão um projeto contra decisão do STF sobre crimes eleitorais, apresentado pelo líder do PSL no senado, Major Olímpio.

A proposta do Major Olímpio, no entanto, determina que cada um dos crimes seja julgado pela Justiça competente.

A intenção, segundo o senador, é garantir o combate ao crime organizado e à corrupção, evitando a impunidade.

“A Justiça Eleitoral continuará a fazer o brilhante trabalho de combater crimes eleitorais e a Justiça comum irá continuar combatendo a corrupção e a impunidade”, diz na justificativa.

Os senadores Randolfe Rodrigues (Rede-AP)) também se posicionou sobre o assunto. Em seu Twitter, Randolfe manifestou interesse em apresentar projeto de lei no mesmo sentido e disse que “o combate ao crime de colarinho branco não pode retroceder em favor da cultura da impunidade”.

 

Por Sua vez, Raquel Dodge, procuradora-geral da República declarou de forma enfática que: “O principal posicionamento é de respeito à decisão do Supremo. A partir de agora nós vamos redefinir a estratégia institucional e tomar as providências necessárias pra manter o foco que é de combate à corrupção, à lavagem de dinheiro e ao crime organizado. Não recuaremos disso”.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CLUBE MAIS DIGA ONDE TEM, resgate cupons, colete selos, consiga pontos e ganhe recompensas. Baixe o aplicativo!